Warning: is_readable() [function.is-readable]: open_basedir restriction in effect. File(/home/aprendersempre/www/wp-content/plugins/wp-rss-aggregator/wp-rss-aggregator.php/lang/wprss-pt_BR.mo) is not within the allowed path(s): (/home/aprendersempre/:/tmp:/usr/local/lib/php:./) in /home/aprendersempre/www/wp-includes/l10n.php on line 339
Aprender Sempre - Compartilhando conhecimento na área de administração

Plataforma de aprendizagem para gestão de projetos: dois casos de implementação de projetos de automação para a indústria automobilística

Escrito por Aprender Sempre em . Publicado em Gestão de Projetos

Artigo publicado na Revista Gestão & Produção, vol.19 no.3 São Carlos  2012

Autores:

  • Yara Carvalho de Melo – Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
  • Maria Cecília Pereira -  Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

Resumo:

Objetivou-se investigar as especificidades do gerenciamento de projetos de automação na indústria automobilística por meio do estudo de casos na empresa PROJE-AUTO, atuante em sistemas de automação e manutenção industrial. Inicialmente, desenvolveu-se um modelo conceitual de forma a inserir a aprendizagem organizacional na gestão de projetos. Em seguida, foram investigadas as etapas da metodologia do PMI® aplicadas ao gerenciamento de projetos de automação na empresa PROJE-AUTO por meio do estudo de dois casos: estudo de caso do Projeto Manipulador e estudo de caso do Projeto Prensas. A importância da realização do estudo dos casos
foi diagnosticar a realidade dos projetos e o contexto em que estão inseridos a fim de compará-los com o modelo referencial. Ao se identificar os principais problemas e divergências existentes, pôde-se fazer algumas proposições
para estruturar uma aborgagem mais fiel ao modelo de gerenciamento proposto. Acredita-se que a abordagem da aprendizagem inserida no contexto dos processos de gerenciamento de projetos possa servir como ferramenta
para que as empresas possam usufruir de benefícios maiores que os experimentados na aplicação única de uma metodologia de gerenciamento de projetos.

Ver artigo completo

An Examination of Human Resource Management Practices’ Influence on Organizational Commitment and Entrenchment

Escrito por Aprender Sempre em . Publicado em Gestão de Pessoas

Artigo publicado na Revista BAR – Brazilian Administration Review, vol. 10, jan-mar. 2013.

Autores:

  • Alba Couto Falcão Scheible - Universidade Federal da Bahia (UFBA)
  • Antônio Virgílio Bittencourt Bastos -  Universidade Federal da Bahia (UFBA)

Resumo:

This study sought to understand how the employee perceptions of human resource management practices influence both organizational affective commitment and entrenchment. It represents advancement towards discriminant validity of such linkages that develop between individuals and the organizations they work for. A survey of 307 participants was conducted in an Information Technology company in Brazil. It was found that affective commitment has a strong and positive relationship with perceptions of HRM practices, while entrenchment is also related, but in a very weak fashion. Training and development practices showed better fit with the expected results of such practices in the organization studied, strongly affecting commitment, but not enhancing entrenchment. Even if not generalizable, these results strengthen the research stream that defends that commitment and entrenchment are separate constructs.

Ver artigo completo

Gestão de ativos de Propriedade Intelectual: um estudo sobre as práticas da Braskem S.A.

Escrito por Aprender Sempre em . Publicado em Estratégia Empresarial

Artigo publicado na Revista de Administração Contemporânea, vol.17 no.1 Curitiba Jan./Feb. 2013.

Autores

  • Elizabeth Loiola – Universidade Federal da Bahia (UFBA)
  • Tatiane Mascarenhas - Instituto Euvaldo Lodi – IEL/BA Salvador

Resumo

Este estudo de caso objetiva identificar o nível de alinhamento entre as práticas de gestão de ativos de Propriedade Intelectual (PI) da Braskem S.A. e o postulado pela literatura em termos de orientação estratégica. Estudos focados em sistemas de gestão de PI das empresas não foram localizados em busca bibliográfica, predominando aqueles com foco em países, regiões e setores e uso de abordagens econômicas e dados secundários. Argumenta-se que a gestão de ativos de propriedade intelectual pode agregar valor ao negócio se alinhada à estratégia competitiva das empresas, o que dirige o foco da análise à gestão de PI em empresas, nas dimensões operacional e estratégica, tomando-se como referências as estratégias competitivas. Foram realizadas entrevistas com informantes-chave, análise documental e de bases de dados de PI. Verificou-se que não há políticas formalmente dedicadas à gestão de PI, embora existam algumas diretrizes e normas de orientação das ações. Há uma coordenação de PI no setor de Inovação, em Triunfo (RS), já as atividades estão descentralizadas nos setores de tecnologia, de marketing e assessoria jurídica. Ativos de PI não são valorados. Práticas de gestão de PI estão alinhadas à estratégia empresarial e sofrem influências da estrutura de mercado, corroborando apenas parcialmente indicações da literatura revisada.

box_downloadVer artigo na íntegra

Avaliando a capacidade de governo: reflexões sobre a experiência do Prêmio “Municípios que Fazem Render Mais” (2010 e 2011)

Escrito por Aprender Sempre em . Publicado em Administração Pública

Artigo publicado na Revista Administração Pública, vol. 47, n.1 (2013)

Autores

  • Francisco Fonseca - Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas (EAESP/FGV)
  • Ricardo Ernesto Vasquez Beltrão - Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas (EAESP/FGV)
  • Otávio Prado - Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas (EAESP/FGV)

Resumo

Este artigo analisa conceitualmente a experiência do Prêmio “Municípios que Fazem Render Mais”, desenvolvido por pesquisadores do Centro de Estudos em Administração Pública e Governo da Fundação Getulio Vargas de São Paulo, em dois momentos: nos estados do Sul em 2010 e no estado de São
Paulo em 2011. A partir do conceito de “triângulo de governo”, desenvolvido por Carlos Matus em seu construto sobre o Planejamento Estratégico Situacional (PES), analisa-se especialmente a “capacidade de governo” — um dos vértices do triângulo — dos municípios inscritos no Prêmio. O artigo descreve os pressupostos que informam o Prêmio, assim como os critérios e a metodologia adotados, e reflete sobre as escolhas realizadas para premiar os municípios ao analisar os desafios que representa avaliar gestões municipais. Por fim, o artigo analisa especificamente os municípios paulistas, o que implica
estabelecer parâmetros para a comparação de contextos e gestões bastante distintos.

box_downloadVer artigo na íntegra

Estruturação de um programa de qualificação em gestão da qualidade, segurança e saúde ocupacional: apresentação dos resultados de uma aplicação piloto realizada no aglomerado metal-mecânico de Sertãozinho – São Paulo

Escrito por Aprender Sempre em . Publicado em Gestão da Qualidade

Artigo publicado na Revista Gestão & Produção, vol.19 no.4 São Carlos out./dez. 2012

Autores

  • Gislaine Aparecida Vitoreli – Escola de Engenharia de São Carlos, Universidade de São Paulo (USP)
  • Luiz Cesar R. Carpinetti - Escola de Engenharia de São Carlos, Universidade de São Paulo (USP)
  • Mateus Cecílio Gerolamo - Escola de Engenharia de São Carlos, Universidade de São Paulo (USP)
  • Juliano Endrigo Sordan - Escola de Engenharia de São Carlos, Universidade de São Paulo (USP)
  • Carlos Henrique Bertucci Lima - Escola de Engenharia de São Carlos, Universidade de São Paulo (USP)

Resumo

Este artigo apresenta e discute a estruturação de um programa de qualificação para pequenas e médias empresas em gestão de qualidade, segurança e saúde ocupacional. O programa de qualificação proposto inclui a estruturação de um modelo de sistema de gestão integrado bem como a estruturação dos processos de implementação e auditoria deste sistema. O método de pesquisa-ação foi adotado para a condução da aplicação piloto desta proposta que foi realizada no aglomerado metal-mecânico de Sertãozinho, São Paulo. Os resultados preliminares da aplicação piloto apontam para possibilidade de operacionalização da proposta que pode contribuir em dois aspectos importantes: maior competitividade para as empresas do aglomerado e melhoria na competência da governança local em coordenar ações conjuntas. Ressalta-se ainda a existência de desafios para a continuidade do programa de qualificação, sendo a sua manutenção pela agência de coordenação local um dos mais críticos.

Ver artigo na íntegra

Copyright © 2013 - Aprender Sempre